São Paulo ganha novo passeio turístico e cultural

São Paulo ganha novo passeio turístico e cultural

Ministério da Cidadania, Sense Bike e Shimano lançam rota gratuita de bicicleta pelo centro novo da capital realizada pelo Bike Tour SP. O lazer inclui veículos para pessoas com mobilidade reduzida e deficientes visuais

Há duas semanas São Paulo ganhou uma nova opção de passeio turístico e cultural. Trata-se de um roteiro de bicicleta que percorrerá 6 km pelo Centro Novo de São Paulo, com 20 paradas nas principais atrações da região. A novidade é uma iniciativa de empresas que tem relação direta com a bicicleta: a fabricante Sense Bike, a empresa de componentes e acessórios Shimano, e a empresa especializada em passeio de duas rodas, o Bike Tour SP.

A mais nova opção turística ocorre todos os sábados, saindo da Praça das Artes localizada na Avenida São João, 281, em quatro horários: 9h, 11h, 13h e 15h. Serão grupos de até 15 pessoas, acompanhados por monitores que contarão a história, a cultura e as curiosidades de 25 pontos turísticos. Tudo apresentado em português e inglês para atender também o turista estrangeiro. E não há necessidade de levar bicicleta, pois a estrutura conta com 15 bikes Sense Move disponibilizadas aos participantes, além de equipamentos de segurança, como capacetes e coletes de identificação.

Roteiro
O percurso abrange o chamado Centro Novo, área localizada a partir do Vale do Anhangabaú, tendo no Viaduto do Chá seu grande divisor. Seu nome tem relação com o final do século XIX e início do século XX, quando a região era sinônimo de prosperidade e representava o bom momento econômico da cidade, impulsionada pela produção cafeeira e chegada da ferrovia, da industrialização e dos imigrantes. A construção de prédios icônicos e edifícios que seguiam o Art Déco, movimento arquitetônico em alta na época, é hoje uma forte característica da região.

Entre os pontos turísticos estão a Praça das Artes, o Sesc 24 de Maio, o Teatro Municipal de São Paulo, o Bar dos Arcos, a Biblioteca Municipal Mário de Andrade, a Galeria Metrópole, os edifícios Itália e COPAN, a Gastronomia no Centro, a Praça da República, o Minhocão, a Praça Princesa Isabel, a Estação Júlio Prestes e Sala São Paulo, o Museu da Resistência, a Estação Pinacoteca, a Pinacoteca do Estado, a Estação da Luz, o Museu da Língua Portuguesa, o Parque da Luz, a Paróquia Nossa Senhora da Conceição de Santa Efigênia, o Largo do Paiçandu, a Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, a Galeria Olido e a Galeria Do Rock.

roteiro a ser percorrido

Passeio Inclusivo
Além de incentivar a prática esportiva e cultural, todo o projeto, que tem o apoio do Ministério da Cidadania por meio da Lei Rouanet, foi planejado de forma a contribuir com a sociedade e ser inclusivo, pois as empresas entendem que ajudar o próximo é muito necessário.

A rota contará ainda com um triciclo trenzinho que comportará pessoas com deficiência, idosos e mobilidade reduzida. E também foram colocados 10 tablets acoplados nas bicicletas que contará com acessibilidade em libras. “Procuramos montar uma rota que aliasse cultura, acessibilidade e segurança ao ciclista. Por isso, a maioria do trajeto é plano, utilizando a malha cicloviária já existente no centro da cidade e explorando toda a riqueza de sua arquitetura”, informa Daniel Moral, responsável pelo Bike Tour SP.

O passeio é gratuito. Para ingressar na pedalada, basta se inscrever antecipadamente pelo site centronovo.biketoursp.com.br e levar 2 quilos de alimentos não-perecíveis por participante. Os donativos seão destinados ao Núcleo Assistencial Bezerra de Menezes, instituição que ajuda mais de 300 famílias carentes em São Paulo e na região do Vale do Ribeira, e à Missão Cena, que auxilia crianças e adultos em situação de risco na região conhecida como Cracolândia. Para fazer a sua inscrição e saber mais sobre datas e horários, acesse: www.biketoursp.com.br.

Sobre o Bike Tour SP
Fundado em 17/05/2013, pelos irmãos André e Daniel Moral, o Bike Tour SP é um passeio de bicicleta gratuito formado por grupos de até 15 pessoas que pedalam acompanhados por dois monitores e com um equipamento de áudio, o AudioTour, que informa dados e curiosidades dos pontos culturais visitados, em português e inglês.

O projeto já levou mais de 60 mil pessoas para conhecer os principais atrativos culturais e históricos da capital paulistana. Com 6 opções de roteiros espalhados pela cidade, o Bike Tour SP empresta a bicicleta para o participante e os equipamentos de segurança. Os roteiros oferecidos passam pelo Centro Novo (novo roteiro), Av. Paulista, Faria Lima, Parque Ibirapuera, Centro Velho e Vila Madalena. Destinados a um público que vai de ciclistas urbanos até crianças, os tours utilizam, na maioria do tempo, a estrutura de ciclovias e ciclofaixas da cidade, e podem ser realizados até por quem não pedala há algum tempo.

“Nossa ideia é que o passeio seja inclusivo, por isso prestamos bastante atenção à altimetria dos percursos. Na rota Vila Madalena, por exemplo, os tours são feitos com bicicletas elétricas, que facilitam a atividade para pessoas de todas as idades”, explica André Moral.


Realização – Ministério da Cidadania e Pátria Amada Brasil Governo Federal

No Comments

Post A Comment